Não sei o que fazer: sinto duas almas em mim....





Ela pegou alguns lençóis velhos brancos desgastados.
Colocou-os sobre a terra ainda úmida.
Sentou-se comeu algumas frutas.
Era noite em lua azul.
Todos ao redor em sua vizinhança já adormeciam;

Seus pés estavam frios e seus lábios tremiam.
Uma camada densa de frio cortante se aproximava.
Mas era dia de festejar.
Sobre seus lenços finos e suas pétalas de flores jogadas ao chão.
Fechou os olhos e mordeu uma maçã.

Estava sozinha e sozinha vivia
O ponteiro do relógio da cidade iam às 00:00
Era hora de regressar para as ruas solitárias da cidade
Uma raposa com sua calda vermelha transitava pelas ruas
Toda a claridade era azul e não se ouvia nada

Caminhava carregando e puxando pelas ruas seus lençóis
Ninguém poderia vê-la, a cidade caía em sono
Enquanto ela desperta vivia seus sonhos
Tudo era calmo e esquisito também
Solidão jamais solidão, não por obrigação.

Ao deparar-se com o soar do relógio na cidade
As patas que caminhavam gentilmente pelas ruas: Uma raposa
As portas em tons de barro todas fechadas com trancas
Nenhum jardim, nenhum sorriso noturno.
Ela decidiu regressar a mata, e por lá voltar a dormir...

Uma árvore, um carvalho e alguns lençóis velhos
Tornou sua casa naquele momento
E deitou seu corpo frágil abaixo dos reflexos da lua
E fechou os olhos e sorriu
Talvez este não seja um conto qualquer...


14 comments:

  1. Tua intensidade é encantadora.
    A natureza é aconchegante e bela, assim como tuas palavras.

    Abraços quentinhos.

    ReplyDelete
    Replies
    1. Outros abraços p/ ti.

      Delete
  2. A natureza é o único lugar seguro nesse mundo cada vez mais caótico. Suas palavras são tão aconchegantes quanto a sombra de uma árvore. ❤

    diarizar.blogspot.com

    ReplyDelete
    Replies
    1. Sombras e árvores são casas.

      Delete
  3. Queria habitar os teus escritos...

    ReplyDelete
    Replies
    1. Mika, tenho certeza que habitas.

      Delete
  4. Jonhny3/16/2016

    I loved ur letters sweetheart!
    I can to read u everyday.... <3

    ReplyDelete
  5. Que lindo Anite, me senti em uma linda floresta!

    Beijos!

    ReplyDelete
  6. Hey Anite!
    If I understand, you won't write on your blog anymore? I hope we will keep in touch <3
    Bom dia!
    Mab xx

    ReplyDelete
    Replies
    1. Dear Mab, I'M HERE sometimes. <3

      Delete
  7. Fazia um tempinho que eu não passava por aqui, agora lembrei como amo esse lugar. Teus escritos, a leveza das cores e a tua natureza delicada me enche de paz <3

    Gaby
    http://misslennox.blogspot.com.br/

    ReplyDelete